Autorregulamentação como alternativa para e-Sport

A autorregulamentação é um instituto que diz respeito à criação de normas pelo próprio grupo ao qual elas são aplicadas a fim de estabelecer um compromisso entre as partes como um acordo moral ou ético de conduta a ser adotada. Desta forma, é um sistema privado, a princípio, sem interferência do Ente Público.

Dito isto, tem-se a problemática da regulamentação do e-Sport que, por ser um ramo dinâmico e em constante evolução, representa um desafio para o Poder Legislativo elaborar e aprovar leis que regulamentem essa atividade, tendo em vista que, no momento que eventuais leis entram em vigor, já estão desatualizadas.

Logo, a autorregulamentação mostra-se como uma alternativa proveitosa. Além da flexibilidade e economia, o instituto em questão é desenvolvido por indivíduos com conhecimento técnico do tema e que possuem experiência na área. Ou seja, a autorregulamentação do e-Sport é realizada por um conjunto de pessoas que atuam nessa atividade.

Com conhecimento de quais são as maiores dificuldades e, principalmente, necessidades no e-Sport, aqueles que fazem parte desta modalidade são os mais indicados para regulamentá-la.

Deixe uma resposta